best web design software

REZAS E CRENÇAS

As tradições de um povo sobressaem das mais variadas formas, desde as lendas e crenças populares, na forma de rezas, passando pelas festas, feiras, danças e cantares, trajes típicos, jogos tradicionais entre outras coisas.

Reza para a espinhela caída, emagrecimento e tombo


Espinhela tem tim tim

assim como o Senhor se leva em si

espinhela tem no vaso

assim como a Nossa Senhora leva o seu filho no regaço

espinhela tem na veia

assim como o Senhor leva os seus discípulos á ceia

Espinhela tem o osso

Como o Senhor esteve morto

Esta reza faz-se em cruz três vezes no braço e três vezes no peito, durante três dias rezando-se no fim do Pai Nosso.

Reza ao ar


Nome da pessoa – se tem algum mal ou mal olhado

Vaso virado. Assim como o sol e o vento e o mar é sagrado

Que Deus tema tudo a seu cuidado

Creio em Deus Pai (com o terço na cruz)

Pai Nosso tenho fé em Deus que este enfermo se envolte ao normal que era

No fim da reza-se uma Salvé Rainha.

Reza ao cobarde 


Para esta reza é ter um bocado de ferradura co m três buracos, põe-se ao lume até ficar em brasa com vinagre numa caçarola, a ferradura em brasa coloca-se no vinagre e o local do corpo afectado apanha o vapor do vinagre

Quando Deus pelo mundo andou

Um bom homem encontrou

Uma boa mulher lhe fez a cama

Em vide e lama peito para o menino(a)

Reza-se o creio em Deus Pai em cruz

Ao fim abafa o peito

Reza ao aberto

 

Para a celebração desta reza deve-se colocar uma cafeteira com água a ferver, de seguida deita-se a água num recipiente e por cima coloca-se o pé ou braço a apanhar o vapor. E necessário ter um novelo de lã e enfia-se numa agulha com o fio dobrado.

Nome da pessoa – eu te cozo fio torto

Nome da pessoa- eu te cozo fio gravado

Nome da Pessoa – eu te cozo fio torto

Se é frio torto torna ao teu posto

Se é fio agravado torna-te ao teu lado

A agua tem de ser despejada onde a pessoa não passe. Esta reza faz-se durante nove dias no fim de cada reze, reza-se o Pai Nosso.

Responso ao Santíssimo Sacramento

   

Esta reza aplica-se quando se perde algum objecto ou bem de família. Se a pessoa que se está a dizer esta reza não se enganar o objecto aparece, se se enganar o objecto já não aparece.

Entrega-se as pessoas que se querem respondar a Jesus e á sua santíssima cruz e ao Santíssimo Sacramento e ás três arrelicas que lá tem dentro, e ao santo Anjo da Guarda que nos guarde e defenda das estufas do Satanás e à Nossa Senhora que é nossa protectora e ao S. Silvestre e às três camisinhas que ele veste, e às três missas do Natal para que não tenhamos nenhum mal e em honra e louvor a nossa Senhora e do Santíssimo Sacramento, que nos aguarde e defenda de todos os males e desastres.

No fim reza-se a Salvé Rainha.

Reza para aliviar a trovoada


Esta reza era normalmente feita em dias de trovoada muito fortes, em que as pessoas utilizavam o alecrim benzido no dia de ramos para fazerem defumadoiros e ao mesmo tempo rezavam a Santa Bárbara.

Santa Bárbara se levantou

Suas santas mãos lavou

Seu cajadinho pegou

Nosso Senhor encontrou

E elhe disse

Barbara onde vais?

Eu convosco Senhor vou

Abrandar as trovoadas

Que sobre nós andam armadas

Leva-as para o monte maninho

Onde não haja pão nem vinho

Nem eira nem beira

Nem raminho de oliveira

Nem bafinho de menino

Nem coisa de cristandade

Para que se lembre da Santíssima Trindade

Pai, Filho e Espírito Santo

AJUDE-NOS A AJUDAR

Deixe a sua opinião e ajude a melhorar a nossa freguesia.